segunda-feira, 6 de maio de 2013

NUNCA MAIS PISES O RELVADO DA LUZ

Tivemos muito azar, o estoril fez um jogo enorme mas este gajo que está aqui em cima, nunca mais vestia a camisola vermelha, mais, deveria ser proibida a entrada deste animal em qualquer espaço do Benfica! Hoje deveria ser anulado o contrato deste bixo e deveria pagar o bilhete a todos os benfiquistas que foram ao estádio! 2 amarelos ridiculos que, obrigaram os jogadores por si só cansados de uma época desgastante, a correr mais klm! primeiro por palavras e depois uma porrada por trás, a cortar um contra ataque...fodass não há paciência.
Vamos para cima deles, no dragão!
EU ACREDITO!!!


PS. 2 amarelos em 8 minutos.

3 comentários:

Ruben Sousa disse...

Epá não gostei do texto sobre o Carlos Martins acho que ele merece respeito, pode ter cometido um erro e toda gente comete erros, não gostei deste texto.

Pedro Santos disse...

Bom dia Ruben.
percebo o teu comentário, mas para mim foi a gota de água(por muito que nos tenha ajudado a ganhar o último campeonato) foi um jogador muito importante a render o Pablito, se fosse o André Gomes que está a começar...ok compreendo é um miudo, está a crescer, quer ir a todo o lado..agora um jogador com mais de 20 de bola e 10 como jogador sénior...
A verdade é que no jogo de tamanha importância deixou a equipa com 10, desequilibrou o meio campo(com um Matic totalmente rebentado e a jogar sozinho) obriga o treinador do benfica a pensar 2x a mudar algo no jogo, quando já jogávamos com 3 defesas ( o Gaitan fazia a ala esquerda)
Isto não é ter inteligência a jogar à bola e uma pessoa quando está lá dentro sabe bem o que está a fazer(joguei durante uns anos)
O maxi(que dá pau a toda a hora)tirou o pé em muitas situações por também estar com cartão, no mesmo jogo, sabendo que no sábado(11-05) tinha o jogo da vida do benfica!
Mas continuas no teu direito de não gostar no texto
abraço

Casqueiro disse...

Não percebo realmente o porque deste encostar do André Gomes..só se o puto andar na noite. Quanto ao Martins, merece respeito, mas não deve voltar a vestir a camisola.